Em sua apresentação oficial como novo técnico do Paraguai, nesta sexta-feira (7), em Assunção, Juan Carlos Osorio se mostrou feliz com a oportunidade de dirigir a seleção e prometeu convocar jogadores jovens. Para alcançar a classificação para a Copa do Mundo de 2022, no Catar, o treinador colombiano prometeu não alterar a vocação defensiva do futebol do país.

“Não venho mudar a ideia do futebol paraguaio, mas capitalizar dela. É uma oportunidade única de dirigir uma seleção de tanto prestígio. Tem um material humano muito importante”, comentou o técnico na entrevista coletiva de apresentação.

Entre os paraguaios citados por Osorio estavam Miguel Almirón, do Atlanta United (Estados Unidos), Derlis González, do Santos, Cecilio Domínguez, do América (México), e Sergio Díaz, do Corinthians, todos com 24 anos ou menos. O técnico também prometeu aproveitar o bom aproveitamento do Paraguai no jogo aéreo.

“Temos de tirar proveito dessa qualidade, a qual os jogadores paraguaios têm no DNA. Vamos ter de voltar a mostrar isso na seleção. Será determinante para obter bons resultados”, disse o colombiano ao lado da Associação Paraguaia de Futebol, Robert Harrison.

“Quero dizer neste momento que estou entregando a Osorio o que há de mais valioso e valorizado entre todos os paraguaios: a camiseta alvirrubra do Paraguai. Sei que a defenderá com orgulho e com esse sonho que temos de estar no Catar em 2022”, afirmou Harrison.

O presidente da APF aproveitou a ocasião para anunciar que o ex-goleiro Justo Villar – que defendeu o Paraguai nas Copas do Mundo de 2002, 2006 e 2010 – será o novo diretor esportivo da seleção. “Eu pendurei as luvas para ficar em outra função. Passei por diferentes etapas e estar aqui é lindo, tentando transmitir tudo o que aprendi. Estou muito feliz e com uma satisfação imensa”, comentou o novo dirigente.



Source link

Por favor, siga , curta e compartilhe