Alemanha vence Camarões com tranquilidade e encara o México na semifinal

Alemanha vence Camarões com tranquilidade e encara o México na semifinal

[ad_1]

A jovem seleção alemã segue com excelente desempenho na Copa das Confederações. Neste domingo, em jogo disputado no Estádio Olímpico de Sochi, na Rússia, a equipe até fez um primeiro tempo apático, mas despertou na etapa final e venceu Camarões com tranquilidade, por 3 a 1.

O resultado não apenas garantiu a Alemanha na semifinal da Copa das Confederações, como assegurou a primeira colocação do Grupo B, após o empate entre Chile e Austrália por 1 a 1, também neste domingo. Os europeus, assim, chegaram aos sete pontos, dois a mais do que os sul-americanos.

Na quinta-feira, novamente no Estádio Olímpico de Sochi, a seleção alemã faz a semifinal contra o México. Um dia antes, por sua vez, o Chile enfrenta Portugal, primeiro colocado do Grupo A.

Em busca do bicampeonato mundial, o técnico Joachim Löw poupou suas principais estrelas e levou jovens promessas para a Copa das Confederações, em uma tentativa de dar mais experiência ao elenco.

E, com a equipe precisando apenas do empate para se classificar, ele ainda poupou alguns titulares neste domingo, buscando dar uma oportunidade para todos os jogadores convocados.

As mudanças, contudo, diminuíram o ímpeto alemão. A equipe foi chegar com perigo apenas aos 21, em bom chute de Emre Can, e aos 23, em perigosa cabeceada de Kimmich. Já Camarões teve grande chance aos 44, com Anguissa, mas Ter Stegen salvou.

Tudo mudou no segundo tempo. Logo aos dois minutos, Demirbay tabelou com Draxler, carregou e finalizou no ângulo, com perfeição, marcando um belo gol. A seleção alemã seguiu desperdiçando oportunidades até que, aos 18, após consulta ao vídeo, Mabouka acabou expulso.

Camarões, então, perdeu qualquer poder de reação. E a Alemanha aproveitou para construir um bom resultado. Apenas dois minutos depois, Kimmich avançou pela direita e cruzou para Timo Werner fazer o segundo em um desengonçado peixinho.

Aboubakar ainda descontou aos 33, aproveitando falha de Ter Stegen. Mas, dois minutos depois, Werner marcou novamente e liquidou o duelo. A Alemanha ainda seguiu desperdiçando oportunidades e perdeu chance de construir uma goleada. O resultado, porém, já demonstrou que o time está no caminho certo em sua renovação.

FICHA TÉCNICA

ALEMANHA 3 x 1 CAMARÕES

ALEMANHA – Ter Stegen; Joshua Kimmich, Antonio Rüdiger, Matthias Ginter e Niklas Sule; Marvin Plattenhardt, Emre Can, Sebastian Rudy (Henrichs), Julian Draxler (Younes) e Kerem Demirbay (Brandt); Timo Werner. Técnico: Joachim Löw.

CAMARÕES – Fabrice Ondoa; Ernest Mabouka, Adolphe Teikeu, Michael Ngadjui e Collins Fai; Sebastien Siani, Arnaud Djoum (Ngamaleu) e Andre-Frank Anguissa; Christian Bassogog (Ekambi), Vincent Aboubakar e Benjamin Moukandjo (Guihoata). Técnico: Hugo Broos.

GOLS – Demirbay, aos dois, Timo Werner, aos 20 e aos 35, e Aboubakar, aos 33 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS – Plattenhardt (Alemanha).

CARTÃO VERMELHO – Ernest Mabouka (Camarões)

ÁRBITRO – Wilmar Roldán (Fifa/Colômbia).

RENDA E PÚBLICO – Não disponíveis.

LOCAL – Estádio Olímpico de Sochi, em Sochi (Rússia).

[ad_2]

Source link

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *