Chris Froome confirma título da Volta da Espanha e Alberto Contador se aposenta

Chris Froome confirma título da Volta da Espanha e Alberto Contador se aposenta

[ad_1]

O domingo foi de pouca emoção durante a 21.ª e última etapa da Volta da Espanha, mas de muita emoção depois da prova. No percurso de 117,6 quilômetros entre Arroyomolinos e a capital Madri, o italiano Matteo Trentin, da equipe Quick-Step Floors venceu, mas as atenções ficaram voltadas mesmo para outros dois competidores: o britânico Chris Froome e o espanhol Alberto Contador.

Chris Froome, da equipe Sky, fez história no ciclismo ao confirmar o inédito título da Volta da Espanha em sua carreira, pouco menos de três meses após ter sido campeão da Volta da França. A vitória na terceira prova que compõe o “Grand Tour” da modalidade, junto com o Giro d’Italia e a competição realizada na França em julho, já havia ficado muito perto de se garantida no último sábado na realização na penúltima etapa.

Como é de praxe neste eventos do ciclismo de estrada, a última etapa é apenas protocolar, sem a disputa de posições. Por isso, só um desastre tiraria a vitória de Chris Froome, que terminou a disputa 2min15s na frente do italiano Vincenzo Nibali, da equipe Bahrain-Merida, que acabou como vice-campeão. O russo Ilnur Zakarin, da Team Katusha, completou o pódio na terceira posição.

Para os espanhóis ficou a alegria de ver a despedida de um de seus melhores ciclistas da história. Na Praça Cibeles, onde ocorreu a chegada da última etapa, Alberto Contador, da equipe Trek Segafredo, acabou roubando a cena. O ciclista, que venceu três vezes no “Grand Tour” – duas Voltas da França e um Giro d’Italia -, havia anunciado que esta edição da prova na Espanha seria a última competição da carreira.

[ad_2]

Source link

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *