Artistas lamentam a morte do comediante Jerry Lewis

[ad_1]

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – Famosos e personalidades lamentaram a morte do comediante Jerry Lewis nas redes sociais neste domingo (20).

“Milhões ao redor do mundo o amavam, e ele ajudou milhões de crianças com seus telethons. Descanse em paz e condolências à sua família”, escreveu Whoopi Goldberg.

O ator morreu na manhã deste domingo (20), aos 91 anos, em sua casa em Las Vegas. A causa da morte ainda não foi confirmada.

Lewis tornou-se o maior comediante do showbusiness durante a década de 1950, numa parceria de sucesso com o ator e cantor Dean Martin, com quem fez diversos longas, como “O Meninão” (1955) e “Farra dos Malandros” (1954). Mesmo com a dupla separada, Lewis protagonizou sucessos e dominou os cinemas nos anos 1960 com “O Mensageiro Trapalhão” (1960) e “O Mocinho Encrenqueiro” (1961).

O ator gostava dos personagens duplos (ou múltiplos), e nada poderia ser mais adequado a esse gosto do que interpretar Dr. Jekyll e Mr. Hyde. Ou, em versão comédia, o professor Kelp e Buddy Loveem “O Professor Aloprado” (1963). Um é químico genial, feio e desajeitado que inventa um jeito de se transformar num galã.

Veja a repercussão da morte de Lewis nas redes sociais.

A atriz Jamie Lee Curtis, filha de Janet Leigh, que trabalhou com Lewis no cinema.

“Jerry Lewis se tornou muito importante para a minha família”, escreveu. “Ele me fez rir, e muitos outros também. #rip” (https://twitter.com/jamieleecurtis/status/899335707935752193)

O ator canadense William Shatner, o capitão Christopher Pike de “Star Trek”, prestou condolências à família de Lewis e disse que “o mundo ficou muito menos engraçado hoje.” (https://twitter.com/WilliamShatner/status/899328214425718784)

Personalidades brasileiras também usaram as redes sociais para lamentar a morte do ator.

“91 anos de alegria! Mais uma gigantesca referência do meu trabalho que se vai. D.E.P. Jerry Lewis”, escreveu Mateus Solano. (https://twitter.com/mateusolano/status/899338491720552449)

Serginho Groisman escreveu que parte de sua infância “foi recheada de risadas muito graças a Jerry Lewis”: Obrigado e fica em paz.” (https://twitter.com/oserginho/status/899340177247744000)

“Jerry Lewis se vai e com ele um pedaço da minha infância.”, publicou Bruno Mazzeo. (https://twitter.com/bmazzeo/status/899339234741547009)

[ad_2]

Source link

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *