Everton e Berrío vão bem no Fla; Vanderlei se destaca no Santos

Everton e Berrío vão bem no Fla; Vanderlei se destaca no Santos

[ad_1]

O Flamengo largou em vantagem nas quartas de final da Copa do Brasil diante do Santos. Nesta quarta-feira, na Ilha do Urubu, o Rubro-Negro venceu por 2 a 0. Os destaques do lado carioca foram Everton, Berrío e Cuéllar. Pelo lado do Peixe, Vanderlei, com belas defesas, salvou o time de Levir Culpi. Confira, a seguir, as notas do LANCE! para os jogadores e técnicos.

FLAMENGO

5,5
Thiago
Goleiro não teve muitas dificuldades com chutes do Santos, mas ainda sim
mostrou insegurança em algumas saídas do gol do Flamengo.

5,5
Pará
Camisa 21 não estava em noite inspirada e não rendeu o esperado. Na
defesa conseguiu bons lances, mas mesmo assim teve dificuldades.

6,5
Réver
Retornando ao time titular, capitão conseguiu ganhar todas pelo alto. Foi
dele o passe que começou a jogada do gol de Everton.

6,5
Juan
Camisa 4 fez boa partida, principalmente na cobertura de Trauco. Muito
seguro, conseguiu afastar o perigo na maioria das jogadas.

5,0
Trauco
Não conseguiu repetir o bom futebol de outras partidas. Deu muito espaço na
defesa e levou algumas bolas nas costas. No ataque, pouco criou.

5,5
Márcio Araújo
Volante arriscou algumas saídas rápidas com a bola no pé, mas acabava se
enrolando na hora do passe. Fez algumas faltas bobas e levou amarelo.

7,0
Cuéllar
Correu bastante e conseguiu alguns desarmes importantes. Na parte final de
partida, fez um lindo gol de fora da área e deu tranquilidade ao Flamengo.

6,0
Diego
Um pouco mais apagado do que outras atuações, mas se entregou bastante
e ajudou na marcação. Conseguiu dar bons passes para os companheiros.

7,0
Berrío
Colombiano vem crescendo de produção e fez outra boa partida pelo Fla.
Levou perigo no ataque, mas acabou parando em Vanderlei.

7,5
Everton
Sempre uma boa opção pelo lado esquerdo de campo, dando muita
velocidade aos ataques rubro-negros.

6,5

Guerrero
Brigou muito com os dois zagueiros dos Santos e se movimentou bastante.
Deu belo passe de letra para o gol de Everton, na primeira etapa.

5,5
Rafael Vaz
Zagueiro entrou no lugar de Juan, que sentiu o desgaste da partida e não
comprometeu. Fez o simples e só garantiu a vitória do Flamengo.

5,5
Vinicius Jr
Garoto substituiu Berrío, que foi muito bem e ajudou o Flamengo a construir
a jogada do segundo gol. Achou bem o Guerrero pela esquerda.


Leandro Damião
Sem tempo para ser eficaz.

6,5
Zé Ricardo
Equipe conseguiu mostrar um bom futebol e resgatou a confiança de Berrío.
Acertou colocando Vinicius Jr, fundamental no segundo gol.

SANTOS

7,5
Vanderlei
Fez três belas defesas e foi peça fundamental para o Santos. Se não fosse o arqueiro, o time deixaria a Ilha do Urubu goleado.

5,5
Victor Ferraz
Esforçado, tentou dar bons passes, mas rendeu menos do que o costume. Além disso, errou alguns cruzamentos.

7,0
Lucas Veríssimo
Bela atuação a do zagueiro, que fez cortes firmes e precisos, mas não conseguiu parar o ataque adversário por completo.

6,5
David Braz
Salvou o Vanderlei no início do segundo tempo, tirando uma bola perigosa de Réver.

4,5
Jean Mota
Sofreu com a ótima atuação de Berrío e foi praticamente anulado. Se esforçou para dar bons passes, mas prejudicou.

6,5

Renato
Trouxe muito equilíbrio para o meio de campo e roubou várias bolas. Além disso, teve muita precisão nos passes.

6,0
Leandro Donizete
Não prejudicou com o ritmo de jogo e conseguiu ajudar na marcação.

5,5
Lucas Lima
Não conseguiu criar tanto quanto queria por conta do ótimo meio de campo adversário.

6,5
Copete
Colombiano teve ótima atuação e se desdobrou para encontrar o gol, além de roubar várias bolas.

5,0
Bruno Henrique
Não conseguiu ser efetivo como nos jogos anteriores. Errou mais do que o normal.

5,5
Kayke
Foi discreto e praticamente não participou do ataque. Foi substituído no intervalo.

6,0
Vitor Bueno
Não conseguiu ser tão efetivo e sofreu com a marcação do Flamengo. No entanto, fez uma partida regular.

5,0
Caju
Foi primeira partida do lateral na temporada e ele trouxe novo gás. Tentou ajudar os companheiros, mas perdeu a bola várias vezes.

6,0
Thiago Ribeiro
Sentiu um pouco da falta de ritmo, mas não prejudicou. Ajudou como pôde.

4,5
Levir Culpi
Não conseguiu encaixar o contra-ataque, além do time ter criado pouco. Terá grandes dificuldades no jogo de volta.

E MAIS:

[ad_2]

Source link

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *