CBF entra em acordo e estabelece intervalo mínimo entre partidas

[ad_1]

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) entrou em acordo com a Federação Nacional dos Atletas Profissionais de Futebol (Fenapaf) nesta terça-feira para haver uma regulamentação do intervalo mínimo entre uma partida e outra de competições organizadas pela CBF. Agora, caso um atleta não cumpra uma pausa mínima de 66 horas, o clube ao qual pertence deverá perder pontuação, conforme previsto no artigo 214 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD).

A homologação põe fim a um processo de 2013 ajuizado na 8ª Vara do trabalho de Campinas pela Fenapaf. Na ocasião, a Fenapaf solicitou a interferência da CBF em casos de atletas que atuaram em duas partidas seguidas sem o intervalo de descanso adequado. A CBF afirmou à época que não poderia impedir a participação dos jogadores por não se tratar da empregadora desses profissionais, entretanto, anos depois, o caso parece ter chegado ao fim.

O acordo entre as partes prevê a inserção do intervalo mínimo no Regulamento Geral de Competições da CBF a partir do próximo ano. Por enquanto, a CBF irá emitir uma resolução, informando as federações estaduais sobre o dever de cumprir a regra.

“As entidades entraram em entendimento, mostrando efetivamente condições para melhorar o futebol brasileiro, em ações que valorizam os atletas. Quem ganha somos todos nós e principalmente a torcida, com espetáculos de qualidade”, disse o presidente da Fenapaf Felipe Augusto Leite.

A CBF, por sua vez, se manifestou afirmando que “as partes, consensualmente, chegaram às regras que devem nortear os intervalos entre as partidas e o necessário descanso dos atletas”.

[ad_2]

Source link

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *